DRINK SEM ÁLCOOL DE LARANJA REFRESCANTE

Ótimo para criançada e pra mim kkkkkkk.
Num dia de muito, muitíssimo, estupidamente MUIIIIIIIIIIIIIIITO calor, me deu vontade de tomar qualquer coisa gelada que não fosse: suco, refri ou água pura.
Achei algo bem refrescante.




INGREDIENTES E PREPARO:

Nessa ordem:

1 copo grande
1 laranja sem casca, cortada em rodelas médias e sem semente
Muitas pedras de gelo
Água gelada

OPCIONAL: 1 colher de sobremesa de açúcar (já fiz com açúcar e preferi sem)

Simples assim, só beber.
Quando terminar é só colocar mais gelo e mais água, mas se não quiser... as rodelas de laranja estarão ali prontinhas para degustação.
;)

TORTA PAULISTA (rápida)

Olá pessoal, quase terminando o ano e vim para colocar a sobremesa de hoje a noite.
Não sei explicar para vocês de onde surgiu essa torta, quem inventou, como foi e tal. Só sei que é uma receita antiga na minha família, aquelas que passa de bisa pra vó, de vó pra mãe, de mãe pra filha, de filha pra filha, etc...
O fato é que esta não é a receita original, bom... original de família né? A original leva gemas cruas, açúcar, manteiga e baunilha no creme e eu morro de medo de usar ovo crú em qualquer tipo de receita, aí modifiquei.
É uma torta mais sequinha, não vá esperando aquela coisa cremosa e doce pois ela é durinha e bem suave.
Simples de tudo, coisa que em 30min no máximo vc monta.



INGREDIENTES PARA TORTA:

Bolacha maisena (eu usei da Marilan, foram 3 pacotes grandes e usei 8 dos pacotes pequenos)
Licour de cacau com leite para molhar as bolachas
500grs de amendoim torrado sem casca e triturado no liquidificador OU no processador
Reserve

INGREDIENTES DO PRIMEIRO RECHEIO:

2 latas de leite condensado cozido (leve em panela de pressão, quando fizer barulhinho conte 30min., desligue e deixe esfriar com a panela fechada)
Creme de leite de caixinha quanto baste para amolecer o leite condensado depois de frio
Reserve

INGREDIENTES DO SEGUNDO CREME (mousse de leite ninho):

1 lata de leite ninho INTEGRAL (é o de faixa azul, se vc utilizar outro desanda tudo, experiência própria)
1 lata de leite condensado GELADÍSSIMO (costumo deixar no congelador, mas não deixo congelar)
2 caixinhas de creme de leite GELADÍSSIMOS
1 colher de chá de emulsificante (é o negócio que usa em sorvete e é essencial)
350grs de manteiga sem sal e gelada (mas não pode ser muito dura, vc pode usar tbém a margarina Becel, mas com manteiga fica melhor)

Bata na batedeira (uso planetária) o leite condensado, a manteiga, 1 caixinha de creme de leite e o emulsificante até dobrar de volume.
Acrescente algumas colheradas de leite ninho e bata bem.
Em seguida adicione a outra caixinha de creme de leite, bata bem, levante a batedeira, acrescente o restante do leite ninho, misture com uma colher para não fazer bagunça e em seguida bata novamente até incorporar.

MONTANDO A TORTA:
(Aqui rendeu 1 tortona grande e 1 tortinha quadradinha - que é a das fotos)

Unte o pirex com manteiga
Coloque um pouco de creme no fundo espalhando por ele todo
Arrume as bolachas molhadinhas
Coloque o leite condensado cozido molinho com um pouco de amendoim e espalhe delicadamente
Coloque outra camada de bolacha molhadinha
Adicione o creme de leite ninho com um pouco de amendoim torrado
Faça isso até o topo do pirex
A última cada acima da torta deve ser misturado um pouco de mousse com leite condensado cozido
Forre toda superfície com amendoim
Leve para gelar

Esta é uma torta suave, embora vá leite condensado cozido, ela não fica doce demais.
Testem, aqui ela é aprovadíssima.



OBSERVAÇÃO: você pode trocar o amendoim por NOZES, aqui em casa minha mãe não pode com amendoim e para ela é feita de nozes triturada. Também fica maravilhosa.

---------------------------------------------------------------------------

Bom, desejo a todos meus amigos, seguidores, colegas de trabalho, companheiros de blog... um ótimo ano de 2012.

Hot Philadelphia (sushi quente frito)

Olá queridos, quanto tempo heim???
Por morar fora da cidade de minha mãe fica difícil demais ter acesso à net, por conta disso não tenho postado receitas.
Como estamos no final do ano, desejo um feliz 2012 para todos vocês.

Para o natal deste ano ganhei a ilustre presença do meu querido amigo japa, o Dudu Samurai e semana passada pensando em fazer sushis, eu aprender no caso, falei que jamais comeria um sushi frio, não entra na minha cabeça a idéia de comer arroz frio empapado e peixe crú... argh! Então ele disse que tem o hot philadelphia, um sushi recheado de salmon e cream cheese passado na massa de tempurá e frito.
Gente..... foi paixão a primeira mordida. rs
Hoje não passarei a receita inteirinha, só modo de preparo, mas depois coloco a receita do sushi, uramaki, hot e do molho, ok?



PREPARO:

Faça o sushi de salmon do jeito tradicional acrescentando um pouco de queijo philadelphia, enrole.
Passe na massa para tempurá os rolos OU (do jeito que eu preferí) - corte o sushi da forma que vc prefere, passe na massa.
Frite em óleo bem quente.
Não precisa ficar douradinho.
Sirva com shoyo ou molho agri-doce.

                                        

TALHARIM COM ABOBRINHA E CASTANHA DO PARÁ

Na caixa de um determinado macarrão veio uma daquelas fotos para atiçar os lombrigueiros, não eu... mas a mãe, aí percebi que ela havia comprado a abobrinha e que estava apenas esperando que eu fizesse. hehehe
Como não leio nem italiano, nem árabe, nem chinês (únicas línguas na embalagem)... resolvi fazer de acordo com o chutômetro e lá foi... delícia de macarrão!!!

(foto de celular...)


INGREDIENTES:
(rende 6 porções ou 3 pessoas com muita fome rssss)

600grs de talharim
1 abobrinha síria (aquela reta) cortada em tiras largas  (use o descascador de legumes ou fatie com uma faca bem afiada) OU em palito (a mãe preferiu em palitos finos)
1 cebola cortada em tiras
Pimenta em pó branca (lá pede a preta, mas aqui em casa eles tem alergia. como sei que era pimenta escrito na embalagem? bom... certos temperos já sei em algumas outras línguas)
6 unidades de castanha-do-pará (pode ser nozes, amêndoas... creio que fique tão bom quanto) batidas ligeiramente no liquidificador para ficar em pó grosso, ou ralada no ralo grosso, ou picada grosseiramente com faca
1/2 xícara de café de uva-passa preta, bata junto no liquidificador com as castanhas
Queijo parmesão ralado a gosto
Sal a gosto
Azeite extra-virgem

PREPARO:


Cozinhe o macarrão em água e sal até ficar ao dente.
Numa frigideira quente coloque a castanha e as passas trituradas e mexa até tostar, reserve em uma tigelinha.
Frite a cebola no azeite com sal.
Grelhar as fatias ou as tiras de abobrinha num grill ou frigideira com um pouco de azeite e sal.
Quando estiver tudo grelhado, escorra o macarrão, regue com azeite, adicione a castanha, a pimenta branca a gosto, a abobrinha e quando for servir no prato, coloque bastante queijo ralado.
Se precisar de mais sal, fique a vontade.
Este prato é bemmmmmmmmmm suave de sal.

LANCHINHO SAUDÁVEL (?)

Quem me conhece sabe, é difícil ir para cozinha e fazer o básico, muito difícil. Para cair no básico ou estarei com muita preguiça, ou de mal humor, ou com muita dor, caso contrário dá nisso... um lanche diferente.
Amo mistura legumes e verdura nos lanches, mas vale temperinhos diferenciados.
Vamos lá...

(foto horrorosa de celular, me perdoem)


INGREDIENTES:
(rende 5 porções )

1/2 cenoura
1 abóbrinha pequena ralada (não interessa a "raça" da abobrinha tá? rs)
2 tomates pequenos sem semente cortado em cubinhos (ou tomate cereja ao meio)
1 cebola pequena cortada em cubinhos OU ralada
1 dente de alho espremido
Cheiro verde a gosto
Sal marinho (ou normal)
Canela em pó a gosto (coloco só 1 pitadinha)
Molho de pimenta a gosto (coloco aqueles fraquinhos, mais ou menos 1 colher de chá)
Orégano a gosto (1 colher de chá bem cheia costumo colocar)
Azeite extra-virgem quanto baste

RESERVE:

Mussarela em cubinhos ou a fatiada cortada em cubinhos
Presunto (opcional) fatiado

PREPARO DO RECHEIO:

Em uma frigideira (ou panela) coloque um tanto de azeite e frite bem a cebola com o alho.
Rale a cenoura, a abóbrinha e coloque junto, mexendo bem para fritar também. Deixe refogar um tempinho sempre mexendo.
Adicione o tomate e os demais ingredientes e mexa bem até cozinhar um bocadinho.
Misture a mussarela, desligue o fogo.

PREPARO DOS LANCHINHOS:

Separe 10 fatias de pão (ou até 5 pães francês grandes).
Em 5 fatias passe um pouco de requeijão ou maionese e coloque uma fatia de presunto (ou mais queijo), coloque uma colherada bem generosa de recheio, mais uma fatia de queijo (ou de presunto) e feche com outra fatia de pão.

OPÇÃO 1: Leve para grelhar no grill, tipo George Foreman;
OPÇÃO 2: Leve para tostar em uma frigideira levemente untada de azeite;
OPÇÃO 3: Leve para grelhar no forno,
OPÇÃO 4: Como assim mesmo sem tostar o pão.

Aqui em casa como somos fãs de pão tostadinho, usamos frigideira ou grill.

SALADINHA DELICIOSA E SUCO DE FRUTAS VERMELHAS DIFERENTE

Salada.... hummm... como amo saladas!
Amo criá-las, amos diversificar, amoooo misturar tudo.
Qualquer dia colocarei receita de uma salada que uso salada de frutas junto, deliciosa!
Esta foi a última que fiz lá em casa, comi de lamber os beiços.
Delícia!



INGREDIENTES:

1 tanto de agrião
1 tanto de rúcula
1 maçã fugi pequenina em cubos
2 fatias de queijo fresco em cubos
2 castanhas do pará em lasquinhas
Salsa desidratada a gosto
Orégano a gosto
Curry mais ou menos 1 colher de café rasa
4 colheres de sopa de creme de leite leve
Sal a gosto
Vinho branco a gosto (para TEMPERAR)
Azeite extra-virgem a gosto

EXTRA A SALADONA:

1 abobrinha pequena cortada em tiras
Regar com azeite, orégano e sal.
Grelhar até ficar tostadinha
Corte em pedaços e jogue sobre a salada

PREPARO:

Misture tudo e bom apetite!!!

Delirei com o geladinho da salada, do queijo e da maçã e aí o quentinho da abóbrinha.
Hummmmm!!!!


----------------------------------------

SUCO DE FRUTAS VERMELHAS:

2pct de frutas vermelhas (vende congelado)
150ml de água
1 picolé de galak (ou 1 bola de sorvete de creme, que sinceramente prefiro assim)
Açúcar (opcional)

PREPARO:

Coloque as polpas no liquidificador, a água, tire o picolé do palito, adicione açúcar e bata bem.
Se precisar de mais água coloque de gole em gole para não virar um líquido muito fino.
O segredo deste suco é ficar bem grosso, se vc colocar o sorvete de creme ele ficará igual milkshake.

=)

ARROZ COM MANDIOQUINHA E PEIXE AO AZEITE

Que sofrimento cozinhar para 1 única pessoa, vocês não imaginam como sofro, mas por outro lado é bom para treinar.
Este almocinho que fiz um dia ficou delicioso, simples e delicioso.



INGREDIENTES PARA O ARROZ:

1/2 xícara de café de arroz parboilizado (pelo simples fato dele ficar mais durinho e aguentar o cozimento)
1 mandioquinha pequena cortada em cubos e pré-cozida (reserve a água da mandioquinha para o arroz)
1 cebola pequenininha bem picadinha
2 dentes de alho espremidos
Cheiro-verde a gosto
Cubinhos de queijo branco (usei fresco)
Azeite extra-virgem
Sal a gosto

PREPARO:

Quando a mandioquinha estiver pré-cozida, em uma panela coloque um fio de azeite e frite a cebola com o alho. Em seguida coloque o arroz e frite um bocadinho. Coloque a mandioquinha com a água, prove o sal.
Deixe cozinhar até secar a água.
Jogue os cubinho de queijo fresco por cima e salpique cheiro-verde.
Tampe a panela.

-----------------------------------------------

INGREDIENTES PARA O PEIXE:

De véspera ou até mesmo 1h antes de cozinha, deixe de molho o peixe.
Lave seu filé de peixe preferido (usei pangasius) com vinagre e limão.
Coloque em uma tigelinha: vinho branco, temperinho de sal/ cebola/ alho/ cheiro-verde (compro um caseiro que é bom, mas se você fizer em casa fica muito bom também), orégano, azeite extra-virgem, um pouco de óleo (uso de canola), cebola em rodelas e cheiro-verde.

PREPARO:

Depois que deixar de molho, retire o filé e seque-o num guardanapo de pano bem limpinho.
Passe-o na farinha de trigo empanando (sem ovos)
Aqueça uma frigideira, coloque um pouco de azeite extra-virgem e um tanto de óleo, deixe aquecer e frite seu peixinho.
Coloque-o em um prato com guardanapo de papel (embora ele nem vá ficar enxercado) apenas para escorrer alguma gordurinha.

E...

Bom apetite!!!

MACARRÃO CARBONARA DO MEU JEITO

Pesquisando sobre macarrão carbonara encontrei umas 1000 receitas diferentes, a maioria inclui ovos e outras tantas os ovos não passam nem perto.
Então, a minha receita NÃO inclui ovos, não gosto da mistura de ovos cozidos com massa.
Tem a história do macarrão a carbonara aqui óh: clique aqui!



INGREDIENTES PARA 1 PORÇÃO:
(porque agora estou sendo obrigada a cozinhar só para mim, ai que tristeza! rs)

200grs de macarrão de sua escolha
6 fatias de bacon a gosto (eu gosto de cortar em quadrados e depois em tiras largas e bem grossinho)
2 fatias de presunto picadinho em quadradinhos
1/2 cebola picadinha (como gosto muito uso cebola média ou grande, vc pode usar até pequena ou nem colocar)
1 dente de alho espremido
1 porção de ervilhas frescas (sim, vc pode usar de latinha)
Cheiro verde a gosto (salsinha e cebolinha)
Pitada de orégano
Sal
Azeite extra virgem (ou qualquer outro)
Queijo de sua preferência (eu gosto de parmesão ralado)


PREPARO:

Cozinhe o macarrão em água e sal mais as ervilhas frescas até que a massa fique ao dente.
Frite o bacon com o mínimo de azeite extra-virgem, acrescente o alho e a cebola, escorra óleo que ficou a mais.
Em seguida acrescente o macarrão já escorrido com as ervilhas, o presunto, orégano e cheiro verde.
Sirva em um prato fundo, acrescente lascas de queijo ou queijo ralado.

Simples, hum???

VOLTEI!!!!!

Pessoal, perdoem minha ausência.
Durante meses, desde a última postagem, mudei de cidade, de emprego e consequentemente fiquei sem internet.
Hoje estou na casa da mama e vou ver o que consigo colocar de receita com as pouquíssimas fotos que registrei durante este tempo todo.
O blog não morreu, agora voltarei regularmente.
Obrigada pelo carinho.
Bjokas
Tati

SALADA ADRIEL

Criei outra salada hoje, daquelas... "nada trivial".
Dando sequencia ao meu "projeto"(?) nome de amigos queridos para minhas saladas, aí vai.
A de hoje vai receber o nome do querido primo (não meu, mas da Pritt) Adriel Gomes Borges.
Quando conheci este querido em Uberlândia/MG vi que ele gosta tanto quanto eu, se não mais, de comida vegetariana e aí nada mais justo né?
Dar o nome dele para outra salada deliciosa.



INGREDIENTES:

Um tanto de agrião
Um tanto de rúcula
Um tanto de folhas de alface roxa
2 talos de salsinha
2 conchas de pêssego em caldas lavados em água corrente e picadinhos em mini-pedacinhos
8 cerejas em cadas lavadas em água corrente e bem picadinhas
1 figo em caldas lavado em água corrente e picado bemmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm miudinho
1 cenoura orgânica (é que elas são pititiquinhas) ralada em ralo fino
Lascas de parmesão
4 azeitonas grandes roxas picadinhas bem pequenininhas e sem caroço (!)
1 folha de cebola (descasque a cebola grande e tire 1 pétala dela) bem picadinha miudinha
1 tomate grande sem sementes e picadinhos bem pequenininho

TEMPEROS:

Sal marinho a gosto
Azeite a gosto
Vinagre balsâmico umas 3 colheres de sopa

PREPARO:

Pique as folhas todas bem miudinhas, adicione o restante e mexa bem.

OPCIONAL:

Creme de leite direto no prato, dá uma suavidade incrível!

Eis o Adriel e eu.

BOLINHO DE CENOURA (folhas de cenoura e a cenoura)

Orgânicos aqui são difíceis de encontrar, nem posso fazer questão de apenas usá-los pq provavelmente eu não comeria NADA, visto que não tem quase nada.
Bom, aqui em Araraquara no restaurante Kampai tem um tempurá estúpido de delicioso, eram umas folhas e aí descobrimos que era folha de cenoura. Eu, louca que sou com novidades, fui atrás e não encontrava... até que belo dia encontro um ramalhete de cenourinhas orgânicas com milhões de folhas. Pulei de alegria.
A intensão ERA fazer tempurá, mas ... tempurá em plena segunda-feira???
Acho que não estava no clima para isso, então resolvi fazer bolinhos.
A receita é criada por mim, então vcs não vão encontrar por aí.



INGREDIENTES:

1/2 maço de folhas de cenoura
2 cenourinhas organiscas com casca e tudo
1 fatia grossa e caprichada de queijo mineiro
1 xícara de chá de farinha de mandioca
1 cebola pequenininha inteira
1 colher de café de curry
1 colher de chá de sal (ou a gosto)
1 colher de café de pimenta branca em pó
2 ovos
2 xícaras de farinha de trigo
1 colher de sopa bem cheia de maizena
1 colher de café rasinha de fermento em pó, tipo royal
1 xícara de chá de leite integral

PREPARO:

Bata no processador (ou liquidificador, mas aí vc precisa meio que picar as folhas antes de bater) os ovos, as folhas, as cenouras, a cebola, o queijo, a farinha de mandioca até ficar bem líquido.
Em uma tigela junte todo o restante mexendo bem com uma colher.

FRITO:

Coloque óleo numa panelinha e frite colheradas da massa em fogo médio/baixo até dourar, vire para dourar outro lado e escorra em papel toalha.

GRELHADO:

Unte uma frigideira tefal com um bocado de óleo, quando sair fumaça abaixe o fogo no mínimo, coloque algumas colheradas do bolinho. Quando dourar vire, aperte bem e deixe dourar o outro lado.

-----------------------------

Ficou estupidamente delicioso, os dois, mas o frito ficou super fofinho.





SALADA ALBA

Acho que vou desde hoje batizar minhas criações com o nome das pessoas especiais em minha vida, mesmo que forem amizades novas.

(Alba de Luna, querida amiga de facebook, amante da comida vegetariana esta é em especial para vc. Menina que me apoia sempre, que admira minhas comidinhas, que sempre fala palavras positivas, compartilhamos gostos e ingredientes. É pra ti querida.)

Uma saladinha rápida, porém nada nada nada trivial, do jeito que eu gosto. rs



INGREDIENTES:

Um punhado de agrião
Um punhado de rúcula
10 tomatinhos cereja cortadinhos em 3 ou 4
5 cerejas em caldas lavadas em água corrente e picadinhas miudinhas
1/2 manga madura palmer (ou outra qualquer grande)
5 nozes sem casca e bem picadinhas (ou castanha do pará picadinha)
2 fatias generosas de queijo minas padrão picadinho (ou outro queijo, lascas de parmesão aqui cairiam super bem)

TEMPEROS A GOSTO:

Sal marinho
Orégano
Vinagre balsâmico

PREPARO:

Misture tudo e sirva.

-----------------------

Eis a Alba.


SALADA CASALE

Ah gente, se eu criei... por que não poderia colocar o meu sobrenome na salada né???
Nada mais justo!

Desde ontem estou numa gana por salada que não tem como evitar.
Só que salada pra mim não (NÃO!) é "alfacinho com limão e sal" ou "alfacinho com tomate, azeite e sal".
Se tem uma coisa que DE-TES-TO é salada trivial.
ARGH!!!

Tudo começou lá em Uberlândia com a tia da minha amiga Pritt que fez uma salada ma-ra-vi-lho-sa e de lá pra cá venho sonhado com saladas... rsrsrs
Óh, antes sonhar com salada do que com uma pizza bem gorda né? rs

Quando fiz esta salada lembrei muito do restaurante do sr. Avelino lá de Blumenau, aquelas saladas maravilhoooosas que faziam lá.
AAAhhhhh!!! Que saudades de vcs pessoal!!!
Seu Avelino, especial para o senhor, bjokas!!!

Por favor, se forem fazer esta salada, em casa, divulgar em seu blog, site, facebook... seja lá onde for... por favor dêem o nome dela: "Salada CASALE" (se fala "Kazale").
Ok? Estamos combinados?

Como não tinha manga que é minha fruta preferida para saladas, recorrí a outras.

Vamos lá...



INGREDIENTES:

1 punhado de agrião
1 punhado de rúcula
1 punhado de alface roxa
20 nozes sem casca e picadinhas (ou pedaços de nozes irregulares, pode usar castanha do pará também)
10 cerejas em caldas lavadas em água corrente e bem picadinhas
4 fatias generosas de queijo minas padrão Boa Nata (ou uma mussarela bem saborosa molinha)
1 xícara de café rasa de uva-passa negra
1/2 maçã argentina com casca picadinha pequeno
1/2 pepino japones (aquele fininho e fresco) fatiado irregular finamente
1 colher de sobremesa de gergelim preto
3 fatias de peito de perú picadinho bemmm finamente em pedacinhos
1 colher de café rasa de canela em pó
10 tomatinhos cerejas cortadinhos em 3

TEMPEROS A GOSTO:

Sal marinho
Orégano
Vinagre balsâmico (coloco em média 2 colheres de sopa SÓ)
Pimenta em pó branca
Azeite uma quantidade generosa
Creme de leite bem pouco, só para dar uma suavidade

PREPARO:

Misture tudo e bom apetite!



CREPE DE NUTELLA SEM FRESCURAS (com moranguinhos)

Sem frescura e a mesma massa que vc utilizou para o crepe salgado, rápido e prático.




INGREDIENTES I - FRUTA

1 caixinha de morango limpinha cortadinha em rodelinhas, ou pedacinhos, ou fininho... tanto faz.
Açúcar a gosto.
Reserve na geladeira.

----------------------------------------------------------

INGREDIENTES II - O RECHEIO

NUTELLA em temperatura ambiente

----------------------------------------------------------

INGREDIENTES III - A MESMA MASSA QUE VC FEZ A MASSA DE CREPE SALGADA

1 e 1/2 copo de farinha (não importa o tamanho, desde que as medidas sejam iguais... tanto faz)
1 copo de leite integral
2 ovos
1 colher de sopa rasa de sal


PREPARO:

Bata tudo no liquidificador.
Unte frigideira tefal com óleo e quando ela estiver quente forre o fundo da frigideira com um tanto de massa, espere corar embaixo, vire e vá reservando em um prato.



----------------------------------------------------------

PREPARO DAS CREPES:

Em 1 disco coloque uma colherada cheia de recheio em meia crepe, espalhando para lá e para cá em metade dela e deixando 1 dedo longe da borda, dobre ao meio como meia lua e leve a frigideira para tostar ambos os lados.
Sirva quente com colheradas de moranguinho geladinho e a caldinha que formou.


----------------------------------------------------------

OUTRA OPÇÃO....

Recheio de brigadeiro e calda de sorvete sabor brigadeiro... *___*




CREME DE MILHO E QUEIJO PARA CREPES

Lá embaixo vcs tem a trouxinha de milho fria, agora temos o recheio quente com milho para crepes..
Tortura TOTAL, que trem delicioso!!! *__*
Ótimo para criançada enjoada que não gosta de verde e nem de cebola.



RECHEIO DE CREME DE MILHO

1 lata de milho
1 lata de leite integral
Sal quanto baste
1/2 copo de requeijão cremoso
1/2 cebola pequena
2 dentes de alho espremido
1 colher de sopa de manteiga sem sal
2 colheres de sopa de maizena diluidas em 1/2 xícara de chá de leite
Farinha de trigo quanto baste
1 colher de sobremesa de açúcar
Pitada de nóz-moscada

PREPARO:

Bata no liquidificador menos da metade da lata de milho com o leite e a cebola (SIM!!! a cebola some! rs).
Na panela derreta a manteifa, frite o alho, adicione os grãos de milho e refogue bemmm.
Adicione o creme do liquidificador, o requeijão e deixe ferver sempre mexendo.
Adicione o leite com a maizena e mexa bem.
Adicione o sal, o açúcar e a nóz-moscada.
Para dar o ponto para crepe tem que ser bem consistente, adicione farinha de trigo aos poucos sempre mexendo, tem que ficar com mesma consistencia de um pirão, cuscuz, tutu... bem "unido venceremos" (risos).
Reserve para fazer as crepes com a receita que vc tem na receita abaixo.
Não se esqueça de colocar 1 fatinha de queijo bem molinho, eu usei queijo minas padrão Boa Nata.

OBS.: Se vc quiser utilizar este creme para outras receitas, retire a farinha de trigo, fica uma delícia em pães, empadas, risoles, etc.
E eu, caso não tivesse criança enjoadinha, acrescentaria cheiro verde bem batidinho.

CREPE DE CREME DE PALMITO

Parece que entraram na onda dos crepes, perceberam?
Por que falei "entraram" e não "entrei"?
Porque eu não entrei nada, quem entrou foram as pessoas ao meu redor. rs
Minha mãe seria uma coisa óbvia, ela é louca por comida que vê foto e aí tenho que fazer pra ela.
hehehe
"Mães".

Bom, aqui usamos bem creme de palmito, seja pra pizza, pastel, empada, etc...
Amamos palmito e temos o prazer de saber que as pessoas ao nosso redor tbém amam, aí fica até mais fácil, não é mesmo?



RECHEIO DE CREME DE PALMITO


INGREDIENTES:

1 vidro de palmito sem a água e lavado, bemmm lavado
10 talinhos de cebolinha bem batidinhos
6 talinhos de salsinha bem batidinhos
1 lata de tomate pelado (ou 4 tomates pequenos bemmm maduros e sem a pele + 1/2 lata de molho de tomate)
1 caixinha de creme de leite
Aproximadamente 400ml de leite
1 cebola grande bem batidinha
3 dentes de alho espremidos (ou a vontade)
1 colher de sopa de açúcar refinado
Sal quanto baste
Farinha de trigo quanto baste
1 colher de sopa de manteiga sem sal em temperatura ambiente
Temperinhos a gosto (usei molho de pimenta, orégano e pimenta em pó)

PREPARO:

Derreta a manteiga numa panela, acrescente o alho até começar a dourar, acrescente a cebola e deixe ficar bem fritinha cristalizada.
Acrescente o palmito cortadinho em finas rodelinhas, o açúcar, o tomate pelado e deixe ferver bem.
Nisso adicione o leite, os temperinhos e parece que vai talhar tudo, não se assuste que é assim mesmo.
Junte o sal, a cebolinha e a salsinha e mexa.
Vá adicionando agora aos poucos a farinha e sempre mexendo, tem que ficar uma massa bem consistente, parece um tipo de pirão, ou cucuz, tutu... mexa sempre. Quando der um tempinho de cozimento (3min a 6min), prove o sabor para ver se precisa de mais sal ou outro ingredientes.
Desligue o fogo e acrescente o creme de leite, mexa bem.
Prove novamente o sabor, tem que ficar bem suave e levemente adocicado (ou salgado pra quem não gostar de adocicado).
Deixe esfriar enquanto faz a massa.

----------------------------------------------------------

INGREDIENTES DA MASSA:

1 e 1/2 copo de farinha (não importa o tamanho, desde que as medidas sejam iguais... tanto faz)
1 copo de leite integral
2 ovos
1 colher de sopa rasa de sal

PREPARO:

Bata tudo no liquidificador.
Unte frigideira tefal com óleo e quando ela estiver quente forre o fundo da frigideira com um tanto de massa, espere corar embaixo, vire e vá reservando em um prato.
Rende em média 10 a 15 massas, depende da grossura.

Reserve.

----------------------------------------------------------

PREPARO DAS CREPES:

Em 1 disco coloque uma colherada cheia de recheio em meia crepe, espalhando para lá e para cá em todo centro deixando 1 dedo longe da borda, acrescente queijo se quiser, dobre ao meio como meia lua e leve para frigideira para tostar ambos os lados e selar a crepe.
Sirva quentinho.




COPINHOS DE DOCINHOS

Acho que isso aqui já virou "carne de vaca", em todo lugar tem receita né?
Mas sei lá, acho que vale a pena por para quem não sabe.



BRIGADEIRO COM FUNDO DE CAFÉ

1 caixinha de leite condensado (395grs)
1 caixinha de leite integral (395grs)
1 colher de chá de margarina
2 colheres de sopa de cacau 50% (uso Harald)
3 colheres de sopa de café pronto (desses já coado, tanto faz se for forte, fraco, etc)
1 colher de café rasa de canela em pó

Cozinhe até dar ponto de brigadeiro molinho, demora um bocado por conta do leite... mas vc chega lá.
Quando pronto deixe esfriar para poder preencher os copinhos.
Use o confeito preferido.

-------------------------------------------------------------

BEIJINHO DE COCO:

1 caixinha de leite condensado (395grs)
1 caixinha de leite integral (395grs)
1 colher de chá de margarina
1 pacote de coco ralada grosso adocicado e úmido
1 pitada de cravo em pó

Cozinhe até dar ponto de beijinho molinho.
Espere esfriar para preencher os copinhos.
Use seu confeito preferido.

CREPE ROLINHO DE CHOCOLATE COM NOZES E BRIGADEIRO BRANCO

CRIME!!! UM CRIME!!!
Este rolinho ficou, assim, affffffffff que delícia!!!
Gente, acho que nunca na minha vida provei uma crepe com um recheio desses, é sem noção de delicioso.
Comeria uma tonelada huahuahuahua.



INGREDIENTES DA MASSA:

1 e 1/2 copo de farinha (não importa o tamanho, desde que as medidas sejam iguais... tanto faz)
1 copo de leite integral
2 colheres de sopa bem cheia de cacau 50%
2 ovos
1 pitada de canela
1 xícara de café de açúcar ou a gosto (tem sempre aqueles que gostam mais doces e outros sem doce nenhum, prove para ver como prefere)


PREPARO:

Bata tudo no liquidificador.
Unte frigideira tefal com óleo e quando ela estiver quente forre o fundo da frigideira com um tanto de massa, espere corar embaixo, vire e vá reservando em um prato.
Rende em média 10 a 18 massas, depende da grossura e pode ter perdas, pq ela fica mais fofa.

Por ser com chocolate e ficar negrona, cuidado não deixar tostar muito na frigideira que fica ruim, tá?


INGREDIENTE DO RECHEIO:


100grs de nozes bem picadinha
1 caixa de leite condensado (395grs)
1 caixa de leite integral (395grs)
1 colher de chá de margarina
1 pitada de cravo em pó
1 pitada de canela em pó
1 pitada de nóz-moscada em pó
OPCIONAL: corante, algumas gotas da cor e intensidade que preferir


Cozinhe tudo até engrossar um bocadinho e reserve.
Tem que ficar meio firme para não vazar dos canudinhos.


PREPARO DAS CREPES:

Em 1 disco coloque uma colherada de recheio na ponta da crepe, enrole como panqueca com o corte para baixo, corte com uma faca lisa bem afiada ao meio e meio de lado para dar um corte bonitinho.
Decore um prato e sirva.



A mesa com os doces:



A mesa arrumadinha pela Pritt Franco:




TROUXINHA FRIA DE CREME DE MILHO - fácil!

Este aqui fez sucesso absoluto, deliciosoooooooo demais frio e acreditem... eu esquentei um para provar o sabor e não ficou tão gostoso quanto frio.
DELICIOSO!!!



INGREDIENTES DA MASSA:

1 e 1/2 copo de farinha (não importa o tamanho, desde que as medidas sejam iguais... tanto faz)
1 copo de leite integral
2 ovos
1 e 1/2 colher de sopa rasa de sal
15 talos de cebolinha
3 talinhos de salsinha


Bata tudo no liquidificador.
Unte frigideira tefal com óleo e quando ela estiver quente forre o fundo da frigideira com um tanto de massa, espere corar embaixo, vire e vá reservando em um prato.
Rende em média 10 a 15 massas, depende da grossura.

Reserve.



INGREDIENTES DO RECHEIO:


1 lata de milho sem água batida com 1 xícara de café de leite
1 lata de milho sem água inteira
1 bisnaga pequenininha de requeijão tipo catupiry
Bastante cheiro verde picadinho
1 cebola pequena bem batidinha ou ralada
1 pitada de nóz-moscada


Misture tudo.


PREPARO DAS TROUXINHAS:

Veja quantos discos renderam e separe a mesma quantidade de cebolinha bem grandona, aqueça uma frigideira com água até ela querer levantar fervura e desligue. Coloque as cebolinhas lá dentro para muxarem bem, retire e reserve ao seu lado para fazer as trouxinhas.
Em 1 disco coloque uma colherada de recheio no centro da crepe, feche como se fosse um saquinho, pegue uma cebolinha delicadamente e dê um nózinho.
Decore um prato e sirva frio.



É um processo chato, mas vale muito a pena.





CREPE FRIO DE ATUM - fácil!

Seguindo os crepes...



INGREDIENTES DA MASSA:

1 e 1/2 copo de farinha (não importa o tamanho, desde que as medidas sejam iguais... tanto faz)
1 copo de leite integral
2 ovos
1 colher de sopa rasa de sal


- OBS: Para fazer a massa verde é só adicionar salsinha e cebolinha a gosto, quanto mais colocar... mais verde vai ficar e o sabor é divino!


PREPARO:

Bata tudo no liquidificador.
Unte frigideira tefal com óleo e quando ela estiver quente forre o fundo da frigideira com um tanto de massa, espere corar embaixo, vire e vá reservando em um prato.
Rende em média 10 a 15 massas, depende da grossura.

Reserve.


INGREDIENTES DO RECHEIO:


1 latinha de atum
1 vidro de maionese pequeno
Cheiro verde a gosto
Pitada de molho de pimenta
1/2 cebola bem picadinha ou ralada
Misture tudo.


PREPARO DAS CREPES:

Em 1 disco coloque uma colherada cheia de recheio em meia crepe, espalhando para lá e para cá em todo centro deixando 1 dedo longe da borda, dobre ao meio como meia lua e dobre novamente fazendo um leque.
Decore um prato e sirva frio.


CREPE DE BANANA COM BEIJINHO

Final de semana prolongado fui contratada para cozinhar para um chá de panela, fiz 6 tipos de crepes e alguns colocarei aqui.


INGREDIENTES DA MASSA:

1 e 1/2 copo de farinha (não importa o tamanho, desde que as medidas sejam iguais... tanto faz)
1 copo de leite integral
2 bananas pequenas OU 1 grande nanica
2 ovos
1 pitada de canela
1 xícara de café de açúcar ou a gosto (tem sempre aqueles que gostam mais doces e outros sem doce nenhum, prove para ver como prefere)

PREPARO:

Bata tudo no liquidificador.
Unte frigideira tefal com óleo e quando ela estiver quente forre o fundo da frigideira com um tanto de massa, espere corar embaixo, vire e vá reservando em um prato.
Rende em média 8 a 15 massas, depende da grossura e dar perdas.
A massa fica bem escura, característica da banana na massa.

- OBS.: ESSA MASSA É CHATA DE FAZER, MUITOOOO CHATA POR CONTA DA BANANA NA MASSA, FICA MOLINHA E FOFINHA DEMAIS, CHATA PARA VIRAR, CHATA PARA DECORAR, MAS É DELICIOSA. ENTÃO NÃO SE PREOCUPE SE VC PERDER ALGUNS PANQUECAS ANTES DE PEGAR PRÁTICA.

INGREDIENTES DO RECHEIO DE BANANA:

Para 15 massas...
5 bananas nanicas grandes e madurinhas cortadas em rodelas
A ponta de uma colher de café de canela em pó
1 colher de sopa de açúcar
Gotas de corante OU NÃO (usei verde pq era tema do chá que fiz, verde e rosa)
Cozinhe em uma panela até amolecer bem.
Reserve na panela ainda

INGREDIENTES DO RECHEIO DE BEIJINHO:

Para 15 massas...
1/2 lata de leite condensado
50grs de coco ralado úmido e adoçado
1 colher de café de margarina
1 pitada de cravo em pó
Cozinhe até engrossar

PREPARO DO RECHEIO:

Junte o beijinho com a banana e mexa bem, tem que ficar uma massa bem pastosinha.
Leve para gelar (usei o congelador, rápido e prático).

PREPARO DAS CREPES:

Em 1 disco coloque uma colherada de recheio em meia crepe, espalhando para lá e para cá de leve, dobre ao meio como meia lua e reserve.
Decore um prato e sirva.

PIPOCA DOCE RÁPIDA

Posso ser considerada "pipocólatra", amoooo uma pipoquinha, salgada, doce, na manteiga, com Sazon, com queijo, com catchup, com canela, com chocolate, tanto faz.
Só não curto mesmo com pimenta ou vinagre pq não como mesmo, mas de resto vem tudo.
Pra mim resolvo rapidinho um dia de fome que não tem nada para comer: PIPOCA EEEEE!!! rsrsrs
Tomaria café da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e lanche da noite só com pipoca. Não é exagero, é amor mesmo.
Mas enfim...
Hoje deu vontade de fazer pipoca doce, mas não estava afim de fazer aquela que vc estoura a pipoca, faz a calda e depois joga por cima, eu queria a tradicional. Sei que fazia anos que eu não estourava dessa, era da época da Thaís quando ela morou aqui em casa e olha... os anos passam e essa pipoquinha fica cada vez melhor.
Hummmm!!!!



INGREDIENTES

1 xícara de chá de milho
3 xícaras de café de açúcar bem cheias
10 gotinhas de vinagre, eu usei branco pq era o que tinha e tanto faz o que vc usar e do que for (sua pipoca não vai ter gosto de vinagre, relaxa)
2 xícaras de café de água
2 colheres de sopa de óleo

PREPARO

Na pipoqueira, óhhh... sim... tem que ter pipoqueira... =/.... mas sabe, o valor de uma pipoqueira é tão besta que vcs não acreditam, custa em média R$30,00 reais e dura uma vida inteira, vale a pena investir. Tem lugar que vc vai achar por R$15,00 reais.
Então...
Na pipoqueira coloque tudo junto, tampe e mexa de vez enquando.
Unte uma assadeira grande com óleo ou margarina e reserve.
Quando começar a estourar mexa sem parar, vai ficar duro no final do processo mas tenha força e vá até o fim.
Quando der aquela leve parada de estourar, retire do fogo, abra a panela e despeje tudo sobre a assadeira, de uma vez só, espalhando pra lá e pra cá com uma colher ou só com a panela mesmo.
NÃO COLOQUE AS MÃOS PORQUE CARAMELO QUENTE DÓÓÓÓI!!!!
Espere dar uma esfriadinha e pronto, divirta-se.

- DICA
* Se acrescentar 1 colher de sopa de groselha elas ficam vermelhinhas
* Se acrescentar 1 colher de café rasinha de qualquer corante alimentício elas vão ficar da cor que vc quiser
* Se quiser acrescentar 1 colher de café de aromatizante elas vão ficar do sabor que vc quiser

MOELLEUX DE CHOCOLATE DA TATI

Lá no grupo de Culinária-Receitas do facebook vi o link do querido Mauro Rebelo sobre esse "trem" chamado moelleux.
Fiz, fiz assim... de zóio, sem ficar pesando grama/o de nada, mas como usei colheres posso passar procêis assim né? (vocabulário estilo festa junina, perceberam? rs)
O negócio é tão bão, mas tãooooo bão, TÃO BÃO (pra outras línguas, é muito bom) que vc deliria.
Antes de fazer o moelleux (já-já falo como se fala isso), eu fiz fondue de queijo e a receita vai no post seguinte. Foi a sobremesa perfeita.
Esse negócio é realmente alucinante de bom, viu?
Não é exagero, é verdade.
E digo mais, se vc for comer achando que é parecido com petit gateu, vai ser enganado/a tá? Porque se tivesse gosto disso eu odiaria, pq detesto petit gateu, não me pergunte porque... é que não desce MESMO.
Mas estamos falando de moelleux.
Desesperada, perto de servir para os convidados, corro aqui no pc e grito pra Bárbara Secco:
"Baaaaaaaaaaaaaaaaa!!! como se fala moelleux??"
Ela preferiu explicar falando, ligamos a câmera e lá foi ela:
"Tem que fazer biquinho, é assim: moêlu".
Risos dos dois lados né?
Agradeci, saí correndo da cadeira e fui lá:
"Pessoal, olha meu biquinho, vou falar 1x só: Vou servir para vcs uma sobremesa chamada MOÊLU!"
Todo mundo: "QUEEEEEEE????"
Pelo jeito fiquei corada, mas repeti umas 3x: "moêlumoêlumoêlu", com biquinho... claro.
Perguntaram se não tinha um jeito mais fácil de falar e eu falei: "óh, em português significa ÚMIDO."
Mas acho que moêlu foi mais fácil e mais bonito que úmido. rsrsrsrsrs
Taí... uma receita maravilhosa, rápida e fácil.



Para 09 CANECAS, pq eu não tenho ramequins, não acho e ninguém me dá de presente (snif!):

800 de chocolate meio amargo ou amargo + um pedacinho pra cada moelleux (200grs dividido em 09 pedaços) - eu usei Harald Melken Blend e próxima vez usarei o 100% AMARGO
1 tablete de manteigaaaa sem sal (200grs)7 ovos
10 colheres de sopa (cheias se for com chocolate amargo, se for com blend pode ser rasa) de açúcar
8 colheres de sopa de farinha de trigo
1 colher de café rasinhaaa de fermento em pó


Derreta o chocolate com a manteiga, bata os ovos separados numa tigelinha e adicione sempre mexendo ao chocolate com a manteiga depois deles derretidos.
Adicione os secos e mexa para ficar homogeneo.
Unte suas canecas com margarina e farinha e divida a massa por igual, eu deixei faltando 3 dedos da borda.
Ponha por cima de cada uma 1 pedaço do chocolate que vc separou.



Pré-aqueça o forno no mais alto que tiver, leve em forno bem quente.
Aqui demorou 15min. para ficar pronto, ele estará pronto quando estiver rachadinho por cima e fica meio molengato no meio mesmo, é para ficar assim... molinho.




Sirva ainda quente: puro, ou com sorvete, ou com chantily spray, ou com alguma fruta.
Servi com morango ao vinho, que tbém passarei a receita em seguida (meu chantily não funcinou ... snif!).

Um crime!
Façam nesse friozinho e me contem o que acharam.


FONDUE DE QUEIJO DE PRIMEIRA VIAGEM

Não dizem que quem tem o primeiro filho é mãe de primeira viagem?
Pois é, o fondue foi praticamente um filho... fui mãe dele pela primeira vez rsrsrs
Não é lá aquelas coisas de difícil, mas requer "rebolado" e se vc não tiver "rebolado"... acho que seria mais fácil comprar um pacotinho pronto desses que só aquece. Sério! É um trem complicadinho viu???
Masssss... se eu arrisquei, pq vcs não né???
É gostoso.
Mas faça isso 5min. ou 10min. antes dos convidados chegarem.



Para 7 pessoas comerem BEM, muito bem:

600grs de queijo gruyere em cubinhos e sem casca
600grs de queijo emental em cubinhos e sem casca
2 colheres de sopa de requeijão
600ml de vinho branco SECO
1 xícara de café de curaçau, ou kirsch, ou cointreau (Curaçau da marca STOCK vcs pagam baratinho)
4 dentes de alho grandões partidos ao meio de cumprido
1 colher de sopa rasa de manteiga sem sal
1 colher de sopa de maizena dissolvida em vinho branco
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
Nóz-moscada ralada a gosto (coloquei 1 colher de café)
Páprica-doce ou páprica-picante a gosto (coloquei 1 colher de café bemmm rasinha)
Usei 2 pães italianos estilo bengala bem grandões cortados em cubinhos (na serra elétrica né bem? rs)

Aí vcs fazem assim...
Põe numa panela a manteiga e os dentes de alho, mexa bemmm, até dar aquela fritadinha linda no alho.



Retire o alho e dê tchau pra ele (ou use em outra coisa, vcs que sabem)
Jogue naquela manteiguinha o vinho, deixe ferver e em seguida coloque os queijos.
Mexa. Mexa bem. Mexa sem parar. Mexa realmente BEM, até derreter tudo e virar um creme.




Adicione a maizena e continue mexendo.
Adicione o requeijão e continue mexendo.
Adicione o curaçau e continue mexendo.
Adicione a páprica e a nóz-moscada e continue mexendo.
Percebeu que o segredo é mexer né???
Adicione o bicarbonato e mexa bem, pode ser que espume um pouco... mas depois volta ao normal, sempre mexendo.
Quando formar aquele creme uniforme, AH! Se precisar engrossar um bocadinho mais é só colocar mais maizena diluida em vinho branco e se precisar ficar menos grosso é só adicionar vinho branco direto no creme.



A consistência é com vcs, ok?
Então, acenda o rechaud (aquele tréco com álcool da panelinha de fondue), coloque umas 4 conchas bem cheias de fondue e sirva.
O que sobrar na panela vc deixa em frigideira/panela com água num banho-maria com o fogo no mínimo e naquela parte do fogão que é mais lenta/fraca e mexa de vez enquando (tipo, eu usei ainda 4 chapas embaixo da frigideira e enquanto todo mundo comia eu comia em pé e ficava mexendo o fondue. Quando esgotava eu voltava o fundinho na panela, mexia para derreter mais e enxia o rechaud novamente e assim foi... 3x).
O cheiro, o sabor, a textura... HUMMMMMMMMMMMMMMMM!!!!
Delícia!!!!
Ainda arrisco dizer que se vc quiser mais fino, bata COM a batedeira direto na panela, ou bata no liquidificador (mas vai grudar horrores), ou no processador.

Ai que delícia!!!
Eu que já havia provado desses fondues pré-prontos tinha odiado, mas o caseiro é divino, digno de ser realmente testado.
Provem e se arrisquem tá?
E mais, não precisa ser um vinho caro, óh...



Todo mundo amou!