SAMOSA (sambousak)

Semana passada procurando sei lá o que... me deparei com o site do ThinkFood e sua receita de sambousak, fiquei com a receita durante dias e hoje pude realizá-la, não posso deixar de dizer que isso é um pecado de receita, jamais acharia que o sabor de carne com nozes combinasse tanto.

"O
 sambousak ou sambousak, ou samboosa ou samosa é uma espécie de pastelzinho em formato triangular ou meia lua consumido em inúmeras partes do mundo. Na India, é  frito e  comumente feito de uma massa finissima parecida com fillo.

Nos países árabes é feito basicamente em duas versões embora existam centenas de milhares de receitas todas “tradicionais.”
Em uma das versões (que considero a mais clássica) é feito com A’jineh Mwarraqah uma massa de água, ovo, manteiga e farinha; aberta em tiras, pincelada com gordura e enrolada. Pode ser conservada em freezer e serve como base pra diversas tortas e outros pratos da “pastelaria mediterrânea”.
A forma como fiz, é mais usada no Líbano, Síria, Jordânia e adjacências. De forma geral o sambousak é consumido como parte do mezze e come-se juntamente com alguma pasta: coalhada, molho de alho, mhamra, etc.
Adaptei uma receita para se tornar integral, onde substituí 1/3 da farinha total da massa por farinha integral. A avaliação que tenho é que com a farinha integral a massa fica mais uniforme depois de assada, porém levemente mais seca do que normalmente quando feita com a farinha branca.
O recheio pode variar, comumente usa-se carne com pinoles ou nozes, ou queijo com verdura Mlokhiyeh (espécie de escarola)."


FONTE: http://thinkfood.com.br/index.php/2010/06/11/sambousak/










Lógico que eu modifiquei algumas coisas, porque nunca consigo pegar uma receita nova e segui-la passo-a-passo (ao menos que eu queira "perfeição").
Vou copiar a receita do chef Diego e na frente digo como fiz, ok?

Massa:

  • 100 g de farinha de trigo integral ---> 300grs
  • 230 g de farinha de trigo  --->  500grs
  • 1 ovo inteiro  --->  4 ovos pequenos inteiros
  • 5 g de sal  ---> 2 colheres de sopa rasas
  • 5 g de fermento biológico seco  ---> 20grs (2 pacotinhos)
  • +- 200 ml de leite morno  ---> +/- 450ml
1. Misture todos os ingredientes e sove por cerca de 5 minutos. Deixe a massa descansar coberta com plástico por 5 minutos.
2. Sove a massa por mais cinco minutos e deixe fermentar por aproximadamente 2 horas.  ---> não deixei tudo isso, mantive em local quentinho onde ela cresceu em 30min.
3. Porcione a massa em bolinhas do tamanho de nozes ( ---> siga esse tamanho que elas ficam melhores ). Abra com auxílio de rolo e recheie.
4. Feche cada bolinha dando formato de meia lua. ---> Disponha em assadeira untada com óleo. Pincele com ovo e água (egg wash) e cubra com gergelim branco e preto.5. Deixe os pasteizinhos fermentarem novamente por 1 hora e asse em forno à 210ºC até que estejam dourados.  ---> como eu fiz frito, não deixei fermentar
6. 
---> FRITE EM ÓLEO BEM QUENTE ... fiz assado e frito









Recheio

  • 250 g de patinho moído  ---> cerca de 800grs
  • 1/2 cebola picada  ---> 1 cebola bem grandona batida no processador
  • 80 g de nozes picadas  ---> 100grs
  • azeite  ---> azeite a gosto
  • 2 dentes de alho socados com  ---> 5 dentes
  • sal a gosto
  • pimenta síria  ---> 1 colher de sobremesa rasa
    --->  Adicionei: 1 colher de sopa de zátar, um tempero sírio
    --->  Adicionei: 1 colher de café de gengibre em pó 
    --->  Adicionei: 1 colher de  sobremesa de aginomoto
    --->  Adicionei: 1 colher de  sopa bem cheia de molho inglês
    --->   Adicionei: 1 colher de  sopa bem cheia de  cheiro verde desidratado
gergelim branco e preto para decorar ( ---> se for fritar não precisa  )
1. Esquente uma panela grossa muito bem.




2. Adicione o azeite e logo em seguida a carne moída. Deixe dourar levemente.
3. Em uma frigideira, doure o alho socado com sal e pimenta em um pouco de azeite. Junte a cebola e doure levemente. Acrescente esse tempero na carne e acerte o sal.
4. Por ultimo junte as nozes picadas e resfrie antes de empregar para rechear as massas.




<--->  ---> ---> ---> ---> ---> ---> ---> ---> ---> ---> ---> ---> ---> ---> ---> ---> 

Aqui em casa provamos assada e frita, diga-se de passagem que a frita saiu em disparada em sabor, consistência e fofura da massa.
A assada a massa fica um pouco mais grossa, o pastel torna-se crocante após sair do forno e o cheiro? Meu Deus!!! O cheiro das samosas assando é de tirar os pés do chão.



---> Por que usei zátar?
Porque lembra mais o sabor sírio.

---> Por que usei gengibre em pó?
Porque embora a receita fosse síria, eu quis dar um ar 'oriental' a ela tbém, combinou tão bem!

---> Por que usei aginomoto?
Porque eu realmente acho que ele ressalta o sabor e nesse caso eu queria todos os sabores destacados.

---> Por que usei molho inglês?
Porque achei que daria um saborzinho a mais e sinceramente? Se não quiser, não coloque.

---> Por que usei cheiro verde desidratado?
Porque acho um crime cozinhar sem cheiro verde! (risos) E como o pastel seria servido para adultos e 1 criança, pensei nela e como sei que não gosta de "verdinho"... o cheiro verde desidratado dá sabor e some no recheio.

---> Vale a pena ressaltar que engana-se bem a criançada no quesito cebola, pq a cebola some perto da nozes triturada.

Essa receita foi para o caderno de receitas caseiras bem sucedidas da família.
Inclusive, convenci uma pessoa que não gosta de nozes a comer sem falar o que era e ela levou um susto quando comentei que eram as próprias.
Amo desafiar as pessoas que não gostam de algum alimento a provarem da maneira que faço.

Enfim, gente...... vale a pena, muito.
Deliciosas!


Um comentário:

  1. Hummm! Não conhecia esta receita, mas deve ser uma delícia.
    bjs

    ResponderExcluir